Formação para a volta às aulas pós-pandemia

Formação para a volta às aulas pós-pandemia

Formação para o volta às aulas

Brena Coelho

A Sincroniza tem participado de discussões junto a outras organizações do setor sobre o tema “volta às aulas pós-pandemia”. A principal preocupação diz respeito às exigências sanitárias e logísticas que precisarão fazer parte da rotina das escolas, tendo em vista a manutenção da saúde de todos os envolvidos. Outra temática muito discutida é em torno do acompanhamento socioemocional que será necessário tanto para alunos, quanto para professores e gestores escolares. Esses temas são primordiais para que preservemos a saúde física e emocional de todos os atores do ambiente escolar após esse período de reclusão social. 

Em paralelo a essas discussões, realizamos também uma pesquisa junto a professores, gestores escolares e representantes de parceiros da Sincroniza para entender as necessidades vinculadas à formação de docente que as escolas precisarão nesse período. Apesar do tempo escasso que os professores terão para esse fim, foi unânime o entendimento de que formações voltadas para a implementação de práticas de ensino híbrido serão essenciais. Nossos parceiros entendem que a condição de ensino remoto deve se manter mesmo com o retorno das aulas presenciais, uma vez que isso será realizado gradativamente. Além disso, a experiência on-line que foi implementada de forma urgente e improvisada, na maioria dos casos, se mostrou uma ferramenta possível e, com a devida instrução, pode ser mantida na rotina escolar, potencializando a aprendizagem dos alunos. 

Acreditamos muito nesse modelo e estamos elaborando um curso de formação fundamentado no modelo Virtual Aprimorado, que é um dos modelos de Ensino Híbrido. Esse modelo é pouco conhecido pois não era aplicável a escolas regulares, mas neste momento o Virtual Aprimorado faz muito sentido. Trata-se de uma alternativa que permite que os alunos concluam a maioria das atividades em casa, on-line e offline, e frequentem a escola para sessões de aprendizado presenciais com um professor.  

A trilha idealizada pela Sincroniza prevê a formação de professores e também de gestores escolares, que precisarão de auxílio nessa nova organização da rotina escolar. O curso se dará em 6 módulos, que terão um nível de personalização de acordo com os conhecimentos prévios dos cursistas. O curso completo terá 20 horas de duração para professores e 30 para gestores, divididos num total de 6 a 8 semanas de duração. 

Caso tenha interesse em saber mais sobre essa formação, procure-nos! Mande um e-mail para contato@sincronizaeducacao.com.br.   

Nenhum comentário

Postar comentário

X